Boletim Pró-Diversidade

Premier League fecha parceria em prol dos LGBTS

O esporte é algo apaixonante e deveria ser algo inclusivo e que todos pudessem ter acesso e participar, certo? Não é bem assim que a banda toca já que muitos têm medo de participar devido à cultura machista em algumas modalidades, como o futebol por exemplo. Hoje navegando nas redes sociais, percebi que os clubes que sigo na Premier League estavam alterando a imagem de perfil em apoio a causa LGBT, o ápice foi quando a página oficial do torneio alterou a sua foto em prol da comunidade, ao me deparar pensei: como, o que, quando aconteceu, onde está o massacre que não vi nada?

Apesar de todo dia os LGBTs sofrerem ataques, serem mortos e precisarem provar que são pessoas “normais”, o motivo do apoio foi mais uma mostra de que não precisa ocorrer mais uma tragédia e sim uma de forma colaborativa entre a Premier League e a Stonewall. O acordo, fechado por três anos, visando promover a igualdade de lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros no futebol.

Bandeira do orgulho LGBT antes da partida começar. fonte Skysports.com

Como uma organização que visa além de lucro, a responsabilidade de ajudar, promover e educar. Sendo assim, ao fechar a parceria a Premier League está engajada por uma grande causa: os direitos LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais). Seja como interveniente direto (atleta ou trabalhador) ou como espectador, a principal competição inglesa de futebol juntou esforços com a organização britânica que luta pelos direitos das pessoas LGBT, a Stonewall, afim de aumentar a educação e igualdade no esporte, e diminuir os casos de discriminação.

Apesar de não ser uma novidade, já que na temporada passada em uma das rodadas da competição, todos os árbitros usaram Rainbow Laces (atacadores arco-íris) e todas as equipes tiveram direito a uma braçadeira de capitão especial, também com as cores do arco-íris, claramente em associação a iniciativas de orgulho gay, assim como a English Football League (organizador de todas as restantes divisões do futebol inglês) e a Federação Inglesa.

Capitães de Arsenal e Man. United trocam Rainbow Laces em partida da Premier League na temporada 2016/2017

A parceria anterior resultou na renda revertidas do Rainbow laces para instituições que apoiam a causa. Mas tanto a liga, quanto a Stonewall acharam que fora o suficiente e decidiram fechar um acordo pelos próximos três anos e neste final de semana, quem assistir a um jogo da Premier League no próximo fim de semana poderá esperar ver as co
res do arco-íris antes da bola rolar, nas placas de publicidade que serve de pano de fundo ao aperto de mão entre jogadores antes do apito inicial e ainda nas bandeiras de escanteio.

Fora o esforço para que os LGBTs que gostam de futebol, possam se sentir acolhidos nas arquibancadas e nas quatro linhas.

Mais uma vez um campeonato organizado e chamado de “nutella” pelos conservadores pelo mundo afora dá um passo grandioso para não só incluir a todos, mas tratar todas as pessoas de forma iguais.

Foto de perfil da Premier League nas redes sociais. crédito: facebook.com

Deixe um comentário